OCB C Novembro
Psilocybe cubensis

O Guia para Microdosagem de Cogumelos Mágicos

Sem título 1 - O Guia para Microdosagem de Cogumelos Mágicos

O GUIA PARA MICRODOSAGEM DE COGUMELOS COM PSILOCIBINA

Traduzido por Rebecca Bezerra

A microdosagem se tornou a mais nova tendência entre os profissionais e empresários do Vale do Silício que procuravam vantagem criativa nos negócios. Mas o uso de quantidades sub-perceptivas de psicodélicos não se limita apenas a indivíduos orientados para a carreira. Na verdade, vários usuários têm reportado sucesso com a microdosagem de psilocibina contra a depressão, vícios em cigarros, e equilíbrio emocional.

Para os iniciantes, microdosagem é o ato de consumir quantidades sub-perceptivas de psicodélicos, como LSD e cogumelos com Psilocibina. Sub-perceptiva significa efeitos sutis, porém visíveis. Normalmente, os indivíduos adicionam doses sutis em sua rotina semanal para florescer a criatividade, dar mais energia, aumentar o foco e melhorar as habilidades comunicativas. A microdosagem também ajuda a aumentar a consciência espiritual e a refinar os cinco sentidos.

Outros benefícios reivindicados pela microdosagem incluem:

  • Eficaz contra a depressão
  • Eficaz contra DDA/TDAH
  • Eficaz contra vícios, cigarro por exemplo.

A DOSAGEM

A quantidade da microdose de um psicodélico é relativa à sua dose limiar. A dose limiar é a dose mínima de uma substância que produzirá um grau notável de qualquer efeito dado.

Uma vez que a microdosagem é o uso de doses sub-perceptivas, a dosagem da microdose está abaixo da dose limiar. Idealmente, uma microdose não vai causar efeito substancial sobre o humor, a disposição ou a mentalidade. Em vez disso, seu impacto será sutil, mas presente.

Para os cogumelos com psilocibina, uma microdose está entre 0,2 g e 0,5 g. Equivale à algo entre 2 e 3 capsulas de cogumelos secos.

Para encontrar seu “ponto ideal” é recomendado começar com menos. Começando o regime de microdose consumindo aproximadamente 0,2 g de cubensis seco, e se não for “suficiente”, acrescentar 0.1g , até alcançar à dose “sub-perceptiva”.

Como podemos saber se a quantidade é suficiente?

Existe uma linha tênue para equilíbrio da microdosagem. Você quer o suficiente para notar a presença, mas não o suficiente para entrar num loop e afetar severamente a sua rotina usual.

COMEÇANDO A MICRODOSAGEM

Se você quer microdosar cogumelos com psilocibina, isso vai ajudar à ter noção e melhor entendimento:

Misturar duas a três cápsulas, até ter 0.2 g de pó de cogumelo seco.

Se você não tem noção de peso, terá de experimentar. Essa experiência é desafiadora por dois principais motivos:

  • Cada capsula tem um tamanho ligeiramente diferente.
  • Cada cepa de cogumelo tem um nível de potência diferente.

Isso significa que 2g de strain A pode ser equivalente a 0,4g de strain B.

É melhor errar pra menos do que pra mais, começando apenas com duas cápsulas (0,2g). Se não for suficiente, aumente para três(0,3g) da próxima vez.

Se possível, consuma sempre a mesma strain ao longo da experiência, para diminuir a variação de efeitos de cada dose.

COMO POSSO OBTER COGUMELOS MÁGICOS?

A melhor maneira de obter cogumelos é cultivá-los você mesmo. Na internet existem vários links para aprendizado de cultivo em casa.

Em breve disponibilizarei um tutorial de cultivo simples.

BENEFÍCIOS E EFEITOS

Em geral, os usuários relatam cinco principais benefícios com esse tratamento:

  • Físico
  • Emocional
  • Criativo
  • Sensorial
  • Espiritual

A partir de relatórios anedóticos que eu li na internet, os usuários que fazem a microdosagem, o fazem por duas razões principais:

  • Medicação de ajuda para ansiedade social, depressão, TDAH, fim do tabagismo – Emocional / Criativo
  • Aumento da consciência espiritual – Espiritualidade

Há também relatos de experiência emocionais indesejáveis “subindo à superfície”, com microdosagem. Esses relatos são decorrentes do “efeito amplificador” psicodélico.

Os cogumelos mágicos tendem a ampliar seu humor atual, ao invés de atuar como um agente estimulante ou entorpecente.

Por esse motivo, é importante avaliar e rever sua mentalidade e estado de espírito antes de consumir (não somente)uma microdose.

De uma perspectiva psicológica positiva, os usuários relatam mais apreciação pela vida, melhora o humor, mais paciência, vínculos relacionais mais fortes e um acúmulo gradual de abertura de si , quando usado por um longo período.

 

ESPIRITUAL

Muitos usuários de microdoses de psilocibina relatam um senso maior de consciência espiritual. A espiritualidade é um conceito notoriamente abstrato, portanto, para ajudar-lhe a dar um significado óbvio, eu o definirei como um sentimento de conexão com todas as formas de vida.

Uma das minhas coisas favoritas para fazer no efeito de microdose é fazer caminhada. Quando ando na floresta, ou nas dunas de areia, perto da minha casa, sinto uma conexão com as árvores, a poeira, as plantas e a terra ao meu redor. Muitas vezes, ando descalço para aumentar a apreciação sensorial de tais momentos.

Em essência, eu me sinto em casa.

Um aspecto de uma prática espiritual que pode ser melhorada com a microdosagem é a meditação. Myron Stolaroff, um autor e pesquisador, conhecido por seu trabalho em psicoterapia psicodélica, usou doses psicolíticas como auxílio na meditação. Ele acreditava que o acesso ao LSD nos momentos apropriados poderia ajudar um indivíduo a dominar a meditação.

Pequenas quantidades de um psicodélico provavelmente funcionam tão bem para a meditação porque inibem o ego, permitindo um senso mais verdadeiro de conexão com o mundo em cada momento.

A dissolução do ego é um dos aspectos mais venerados de uma viagem psicodélica completa (pelo menos para psiconautas experientes que entendem como lidar com essa perda momentânea de ego).

Embora a “perda do ego” não seja possível em uma microdose, as pequenas quantidades de psicodélicos ajudam na percepção da realidade com mais clareza.

PROGRAMANDO A MICRODOSAGEM

Qual a frequência diária ou semanal poderia seguir ?

O Dr. James Fadiman, autor do livro “Psychedelic Explorer’s Guide”, recomenda fazer uma microdose uma vez a cada quatro dias.

DIA 1 – início da microdose

DIA 2 – PAUSA

DIA 3 – PAUSA

DIA 4 – próxima microdose

Observe os efeitos ao longo deste processo, tomando notas em um diário, todos os dias.

Continue o processo de microdosagem duas vezes por semana durante dez semanas totais. Tome notas ao longo de todo o processo de 10 semanas em curto prazo, nos efeitos do momento e mudanças em longo prazo em seu humor, energia e comportamento social.

Siga sua rotina normal durante a microdosagem. Você não deve mudar o que você faz. O objetivo é melhorar sua existência diária através da integração de microdoses em sua rotina.

Quando for fazer a primeira vez, tire um dia de folga no trabalho e desmarque compromissos. Isso vai dar uma chance de poder observar e notar qualquer efeito incomum antes da microdosagem em uma situação pública.

Atente-se ao observar os efeitos da microdosagem nos dois dias entre as microdoses. Muitas pessoas observam maiores sentimentos de fluxo, criatividade e energia no dia seguinte à microdose, bem como no dia da microdosagem.

Também é excelente manter notas contínuas sobre os efeitos observados da microdosagem consistente durante um longo período de tempo. Dos relatórios coletados pelo Dr. Fadiman, muitas pessoas relataram um acúmulo gradual de expansão na comunicação e conscientização ao longo de sua experiência.

Como o Dr. Fadiman diz no Guia do Explorador de Psicodélicos, “ As pessoas estão dizendo:” Depois de um mês ou mais de microdose, estou comendo melhor; Eu sou melhor para os meus filhos; Eu não estou tão chateado quando as pessoas se comportam mal. “Um homem estava dizendo: ‘ Eu estou muito mais no presente. Eu costumava, mesmo quando eu estava gostando de alguma coisa, realmente estava pensando no que eu ia fazer quando acabasse e assim por diante. Agora, quando estou fazendo algo, estou realmente fazendo isso”.

Minha experiência pessoa tem sido semelhante. Em geral, sou mais receptivo aos convites social, mais aberto ao se envolver com outros em contextos sociais, e notei um aumento sério na produção criativa no geral.

Se você for seguir esse “regime” durante as dez semanas completas, você precisará de pelo menos dez gramas (10g) de cogumelos.

POSSO FAZER MICRODOSAGEM DIARIAMENTE?

Não recomendo a microdosagem todos os dias. Enquanto relatórios anedóticos não mostram acumulação de tolerância para microdoses de psilocibina, tomar psicodélicos todos os dias criará desafios na compreensão dos efeitos do tratamento.

Em outras palavras, você pode não entender como seu comportamento usual é modificado. Portanto, você não terá ideia se certas mudanças são causadas pela microdosagem ou se é meramente um efeito placebo.

Outra desvantagem da microdose diária é normalizar uma substância muito poderosa.

Eu comparo isso com o uso do café para fins de produtividade. Quando você bebe café todos os dias, ao longo do tempo você vai precisar aumentar a dose para obter o mesmo efeito. Uma xícara de café se transforma em duas ou três ou quatro xícaras de café dentro de 2-3 meses.

É melhor aproveitar a microdose como uma vantagem contingente.

Além disso, estudos em camundongos mostraram que doses diárias repetidas de psilocibina podem causar problemas cardíacos após várias semanas. (https://thethirdwave.co/microdosing-heart-risk/)

E fique ligado, no próximo artigo sobre microdosagem sairá um infográfico detalhando como alternar os dias e como isso afeta sua rotina.

*Este texto é meramente INFORMATIVO para estudo*

 

TEXTO ORIGINAL http://www.thethirdwave.co

Visite nossa página:

ENTEOGENIA SEM DOGMAS

Comente também!

comentários

Clique para Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Psicodelizando é mantido pela Psicodelia Minha Doce Esquizofrenia, um portal criado para compartilhar ideias, experiências, arte e ativismo. Estamos em conformidade com a lei e não fazemos apologia a nenhum tipo de substância.

Siga-nos

CIMA